Espírito de libélula

Estamos num momento de vida no qual temos de estar muito atentos a novidades, em todos os sentidos. Somos quase como uma libélula, nos preparando sempre para as mudanças.

“O espírito de libélula é a essência dos ventos de mudança, as mensagens de sabedoria e esclarecimento, a comunicação do mundo elementar.

Ela representa o medicamento para os seus hábitos que precisam mudar e mutar-se em libélula para se guiar pelas névoas da ilusão rumo a uma transformação positiva.”

libelulaAssim como a libélula, temos de quebrar nossos próprios paradigmas de forma a nos atualizarmos e dançarmos sempre conforme a música. Temos de ter conhecimento sobre novas tecnologias, softwares, ferramentas, meios possíveis de avaliarmos, quantificarmos e medirmos resultados.

Ao mesmo tempo, temos de estar antenados nos filmes que estão passando nos cinemas, pois daqui a pouco vem o Oscar, e passam a ser referências.

Também acompanhamos as tendências da moda, aonde comprar, como usar.

A forma de se alimentar mudou, e tendemos a fazer buscas pelo o que é mais saudável, mas ao mesmo tempo prático. A bike, a caminhada, o parque, hoje também fazem naturalmente parte da nossa rotina. Não é mais só a academia, vai além. Aliado a isso, está a conscientização do bem-estar e saúde.

Falando de academia, a tendência está mais para o modelo Smart Fit, cujo custo-benefício é o melhor hoje em dia. O valor é justo, e se o aluno não for, não se sente tão culpado, por pagar e não frequentar.

E assim continua, as unhas estão com novos acabamentos, em cores, adesivos, aplicações. A prestação de serviços para isso também está diferente, tratando e cuidando das unhas com um cardápio de alternativas.

As crianças amadurecem mais rápido. As viagens acontecem com mais facilidade e velocidade.

As responsabilidades nos trabalhos também estão mais precoces.

O povo não fica mais quieto, pelo contrário, se manifesta.

O formato de trabalho mudou. A hierarquia ainda existe, mas as tarefas quase se misturam, como um grande brainstorm.

Esperar? Não tem mais como. Nossas expectativas aumentaram, nosso tempo é tomado por muitas tarefas ao mesmo tempo, e sempre queremos fazer mais.

As respostas são esperadas da mesma maneira, com velocidade e inteligência.

Bom, poderia listar aqui, muitas situações que mudaram e vão estar sempre em mutação, evolução, mas esta não é a intenção deste texto: o que importa mesmo é refletir sobre as mudanças e acompanhá-las, mesmo que de alguma maneira discorde, pois se esta não for sua atitude, o seu espaço já era!!

Mais um ditado para reforçar o pensamento: a fila anda, ou melhor, acho que prefiro mudá-lo para, a fila voa.

 

Silvia Pedroso

Gerente de Operações da Rae,MP

Facebook: silvia.pedroso